12 fundamentos de uma boa média - explicado!

(i) A boa média deve basear-se em todas as observações:

Somente as médias, nas quais todos os dados são utilizados, apresentam os melhores resultados, enquanto as médias que utilizam menos dados não são representativas de todo o grupo.

(ii) Boa Média não deve ser indevidamente afetada por valor extremo:

Nenhum termo deve afetar muito a média. Se um ou dois itens muito pequenos ou muito grandes afetam indevidamente a média, a média não pode ser realmente típica de todo o grupo. Assim, termos extremos podem distorcer a média e reduzir sua utilidade. Como se no exemplo dado, encontrarmos média de 6, 8, 10, obtemos média como 8, mas se outro item, com valor 200, for obtido, a média será 56. Portanto, não pode ser chamado uma boa média, pois com apenas um novo item, ele passou de 8 para 56.

(iii) Boa Média deve ser rigidamente definida:

Não deve haver confusão sobre o significado ou a descrição de uma média. Deve ter uma definição rígida ou pontual.

(iv) Bom A média deve ser fácil de calcular e simples de entender: se o cálculo de uma média envolver muitos processos matemáticos, ele não será facilmente compreendido e seu uso será limitado apenas a um número limitado de pessoas. Essa média não pode ser uma média popular. Deve ser fácil de entender.

(v) Boa Média deve ser capaz de tratamento algébrico adicional:

Medidas de tendência central são usadas em muitas outras técnicas de análise estatística, como medidas de dispersão, correlação etc.

(vi) A boa média deve ser encontrada por métodos gráficos também:

Essa média é considerada uma boa média, que pode ser encontrada tanto pela aritmética quanto pelo método gráfico.

(vii) Boa Média não deve ser afetada por variações de amostragem:

Uma boa média será menos afetada pelas flutuações da amostra. Se algumas amostras forem coletadas do mesmo universo, a média deverá ser a que tiver a menor variação nos valores derivados nas amostras individuais. Os resultados obtidos serão considerados o verdadeiro representante do universo neste caso.

(viii) A boa média não deve ser afetada pela assimetria:

Não chamaremos uma média boa se for afetada pela distorção presente na distribuição.

(ix) A boa média deve ser popular:

Uma média popular conhecida por pessoas comuns será mais útil, pois uma pessoa simples será capaz de entendê-la. Caso contrário, seu uso será limitado apenas a pessoas mais altas.

(x) Uma boa média deve ter uma definição clara e estável:

Uma boa média deve ter uma definição clara e estável.

(xi) A boa média deve ser o Número Absoluto:

Uma boa média deve ter caráter absoluto.

(xii) Boa média deve ser É possível encontrar a tendência central para intervalos de classe abertos:

Em muitas distribuições, os fins estão abertos. Portanto, uma boa média é aquela que pode ser calculada mesmo em intervalos abertos de classe.

 

Deixe O Seu Comentário